Introdução à História da Arte

De Wikiversidade
Ir para: navegação, pesquisa

esse trabalho tem o objetivo de passar uma mensagem do lixo ao chip para coisas novas e renovadas para crianças e adultos e que se promova a arte nos museus

Ementa[editar | editar código-fonte]

Conceitos e princípios de Arte, Estética e História da Arte. Epistemologia da criação artística. Problemas da História da Arte canônica. Tipos e suportes da Arte: Música, Dança, Pintura, Escultura, Gravura, Teatro, Literatura, Poesia, Arquitetura e Mímica. As novas artes: Fotografia, Cinema, Quadrinhos/Banda Desenhada, Videogame e Artes Digitais. Gêneros e estilos artísticos: das cavernas à web-art. História da Arte dos países lusófonos. Artes das civilizações pré-colombianas, africanas e orientais. tb

ta tudo errado isso! vão por mim

Conteúdo programático[editar | editar código-fonte]

Conceitos e Princípios[editar | editar código-fonte]

  1. Conceitos
    1. A definição de Arte.
    2. O conceito de "obra de arte".
    3. O conceito de "artista".
    4. O conceito de Estética: ciência da arte ou filosofia do belo?
      1. Formação e desenvolvimento da consciência estética no ser humano.
      2. Apreciação e análise das obras de arte sob o prisma estético.
      3. Estudo da arte por meio de seus modelos de representação do espaço.
  2. Princípios
    1. Epistemologia da criação artística
    2. A função da arte: deleite, representação, esclarecimento, engajamento?
    3. A discussão entre arte x técnica.
    4. A discussão entre "arte pela arte" e "arte engajada" e "arte sob encomenda".
    5. O mecenato.
  3. A História da Arte
    1. Descrição e análise do campo histórico da arte.
    2. Principais historiadores da arte.
    3. História da História da Arte.
    4. Métodos de pesquisa em História da Arte.
    5. Problemas da História da Arte canônica.
    6. Arte e Cultura

Tipos e Suportes da Arte[editar | editar código-fonte]

  1. As sete artes clássicas (Ricciotto Canudo, 1911):
    1. Música (Euterpe e Polímnia) - a arte pelo som
    2. Dança (Terpsícore) - a arte pelo movimento
    3. Pintura - a arte pela cor
    4. Escultura - a arte pelo volume
      1. Gravura
    5. Teatro (Melpômene e Tália) - a arte pela representação
    6. Literatura - a arte pela palavra
      1. Poesia (Calíope e Erato) - épica e lírica
  2. Arquitetura - entre escultura e engenharia
  3. Mímica - entre dança e teatro
  4. As novas artes:
    1. A sétima arte: Cinema.
    2. A oitava arte: Fotografia (da qual o Cinema é derivado).
    3. A nona arte: Quadrinhos/Banda Desenhada - arte em narrativa seqüencial.
    4. A décima arte: Videogame.
    5. A décima-primeira arte: Imagem Digital (da qual o Videogame é derivado).

Gêneros e Estilos Artísticos[editar | editar código-fonte]

  1. Definição de "estilo" ou "escola artística"
    1. Convenções dos principais estilos.
    2. Valores paradigmáticos de cada tipo.
    3. Correlação com aspectos culturais, econômicos e místico-religiosos.
  2. Arte Pré-Histórica
    1. Surgimento das primeiras formas artísticas.
    2. Paleolítico e Neolítico
    3. A Artes das Cavernas
      1. Pinturas rupestres
      2. Representações pictóricas como emulação do real
      3. O material e o divino; função mística da representação
    4. Os dólmens
  3. Arte da Antigüidade
    1. O Egípcio Antigo
    2. O Mesopotâmico
    3. O Persa
    4. O Clássico
  4. Artes das Civilizações do Extremo Oriente
    1. Pintura Chinesa
    2. Gravura Japonesa
    3. Arquitetura do Subcontinente Indiano
    4. Arquitetura Siamesa/Tailandesa
  5. Arte Medieval
    1. O Bizantino
    2. O Islâmico
    3. O Românico
    4. O Gótico
  6. Artes das Civilizações Pré-Colombianas
    1. Arte Incaica/Quéchua
    2. Arte Maia/Nahuatl
    3. Arte Asteca/Mexica
    4. Cerâmica Marajoara
    5. Pinturas Esquimós
  7. Arte Pós-Renascentista
    1. O Renascimento
    2. O Maneirismo
    3. O Barroco
    4. O Rococó
    5. O Neoclassicismo
    6. O Romantismo
    7. O Academicismo
      1. Os pré-rafaelitas
    8. O Realismo
    9. O Naturalismo
  8. Artes das Civilizações Africanas
    1. O Grande Zimbábue
    2. Ruínas de Timbuctu
    3. Arte Iorubá, Ifé e Daomé
  9. Arte Moderna
    1. O Impressionismo
    2. O Fauvismo
    3. O Simbolismo
    4. O Expressionismo
    5. O Art-Nouveau
    6. As Vanguardas Modernas
      1. O Abstraccionismo
      2. O Futurismo
      3. O Surrealismo
      4. O Cubismo
      5. O Dadaísmo
      6. O Construtivismo
      7. O Concretismo
      8. O Suprematismo
      9. O Neoplasticismo
      10. O Realismo Socialista
  10. Tendências da arte contemporânea.
    1. O Neoconcretismo
    2. A Pop Art
    3. A Op Art
    4. O New Dada
    5. O Minimalismo
    6. A Arte Conceitual
    7. Performaticismo, Instalações e Happening
    8. O Hiperrealismo
  11. História da Arte no Brasil
    1. O período colonial
    2. O Barroco Mineiro e o Barroco Baiano
    3. Arte Sacra
    4. A Missão Francesa
    5. O Patronato Imperial à Arte Acadêmica
    6. A Semana de Arte Moderna de 1922.
    7. A Contracultura.
    8. O Tropicalismo.
    9. Perspectivas da arte brasileira.

soraia silva

Metodologia de aula[editar | editar código-fonte]

  • aulas expositivas
  • debates com participação dos alunos
  • discussões dos temas apresentados
  • exibição de filmes, projeções, áudio e material multimídia
  • visita a locais e museus

Avaliação[editar | editar código-fonte]

  • prova escrita em múltipla escolha
  • prova escrita dissertativa
  • seminário temático em grupo
  • trabalho monográfico individual

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • COUTINHO, Sylvia Ribeiro. Textos de Estética e História da Arte. João Pessoa: EDUFPB, 1999.
  • ECO, Umberto. Arte e Beleza na Estética Medieval, Porto Alegre: Globo.
  • ECO, Umberto. História da Beleza.
  • GOMBRICH, E. H.. A História da Arte. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.
  • JANSON, H. W. & Anthony F. Janson. Iniciação à História da Arte. São Paulo: Martins Fontes, 1988.
  • MARQUES, Reinaldo & VILELA, Lúcia Helena (orgs.). Valores – Arte, Mercado, Política. Belo Horizonte: EDUFMG/Abralic, 2002.
  • OSTROWER, Fayga. Universos da Arte. Rio de Janeiro: Campus, 1991.
  • PEDROSA, Mário & ARANTES, Otília (orgs.). Políticas das Artes - Textos Escolhidos 1. São Paulo: EDUSP.
  • PRICE, Sally. Arte Primitiva em Centros Civilizados, Rio de Janeiro: EdUFRJ, 2000.
  • RAMALLO, Germán. Saber Ver a Arte Românica, São Paulo: Martins Fontes, 1992
  • RICKEY, George. Construtivismo, Cosac & Naify.
  • WÖLLFLIN, Heinrich. Conceitos Fundamentais da História da Arte. São Paulo: Martins Fontes, 2000.
  • GASPAR, Madu. A arte rupestre no Brasil / Madu Gaspar. - 2003 J. Zahar
  • BARBOSA, João Nei de Almeida. Arte rupestre / a história que a rocha não deixou apagar. 2004
  • PEREIRA, Edithe. Arte rupestre na Amazônia - Pará. Ed. UNESP. 2003
  • RUBEM, Jackson. Brasileiros pré-cabralianos / arte rupestre e história. 2005
  • ALMEIDA, Ruth Trindade de. A arte rupestre nos cariris velhos. Ed. UFPB. 1979
  • Arte rupestre no Centro do Brasil / pinturas e gravuras da pré-história de Goiás e oeste da Bahia / 1984 Instituto Anchietano de Pesquisas
  • Arte rupestre / as pinturas rupestres da Chapada Diamantina e o mundo mágico-religioso do homem pré-histórico brasileiro / 1994 s.n.