Resíduos Sólidos

De Wikiversidade
Ir para: navegação, pesquisa
Lixão da Vila Estrutural, DF-BR
Coopamare: Cooperativa de Catadores de Recicláveis

Levantamentos mostram que o Brasil produz cerca de 170 mil toneladas de lixo por dia. Segundo Abrelpe - Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais, o Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil referente ao ano de 2010 mostrou que no ano em que foi criada a PNRS - Política Nacional de Resíduos Sólidos, a produção e destinação final do lixo brasileiro sofreu retrocessos. Segundo a pesquisa, o volume de RSU - Resíduos Sólidos Urbanos gerado em 2010 pela população é 6,8% superior ao registrado pelo Panorama em 2009. Foram quase 61 milhões de toneladas de lixo produzidos nos últimos doze meses e o aumento populacional no país não é desculpa para esse crescimento: o estudo mostrou que a geração de resíduos aumentou seis vezes mais do que a população em 2010, o que significa que, no último ano, cada brasileiro produziu sozinho, uma média de 378 kg de lixo, ou seja, mais de 1 kg por dia.


Do total do lixo urbano, 76% são depositados a céu aberto, em lixões, 13% são depositados em aterros controlados, 10% em usinas de reciclagem e 0,1% são incinerados. Cerca de 60% do RSU - Resíduos sólidos urbanos são formados por resíduos orgânicos que podem se transformar em excelentes fontes de nutrientes para as plantas.


DESTINAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS[editar | editar código-fonte]