Portal:9o ano 2014 - Língua Portuguesa - Colégio I. L. Peretz/Tatiana e Dana

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Diário de Bordo[editar | editar código-fonte]

Hoje, dia 13 de novembro, começamos a escrever sobre o livro A Droga da Obediência, de Pedro Bandeira.

Dia 18 de novembro, terminamos de escrever sobre o livro A Droga da Obediência.

A Droga da Obediência[editar | editar código-fonte]

Introdução[editar | editar código-fonte]

A Droga da Obediência é um livro escrito por Pedro Bandeira que fala sobre um grupo de amigos que tentavam solucionar mistérios. Quando um deles é sequestrado, as coisas começam a ficar mais sérias e os garotos fazem o máximo possível para resolver o problema.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Dentro do Colégio Elite, em São Paulo, havia um grupo secreto de meninos chamado Os Karas. Composto por: Miguel, Calú, Magrí e Crânio. Mais tarde, um menino chamado Chumbinho descobre os esconderijo do grupo e para fazer parte do grupo, chantageia-os. Chumbinho vira membro permanente dos Karas quando os ajuda a solucionar mistérios. Surge um novo mistério em São Paulo, 3 alunos de cada escola são sequestrados a cada semana, e Chumbinho faz parte desses alunos sequestrados. Enquanto os Karas tentam solucionar esse mistério, Chumbinho ajuda-os comunicando-os através de códigos. O grupo descobre uma droga feita para dominar o mundo que faz com que quem a use obedeça o Doutor Q.I. No final, descobrem também que um estudante que transita pela escolas de São Paulo era o fornecedor da droga e que o diretor do Colégio Elite era o Doutor Q.I.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Calú: ator e disfarçava a turma;

Miguel: líder, muito confiante nele mesmo;

Magrí: era uma garota magra, rápida e praticava ginástica;

Crânio: o mais esperto dos Karas, sua gaita solucionava todos os códigos e mistérios;

Chumbinho: inteligente, teimoso, se metia em confusões e é o que mais desvenda os casos.