Bases Neurológicas do Desenvolvimento de 0 a 10 anos

Fonte: Wikiversidade


Yellow-bg.svg
HSBook.svg
Ementa

Bem vindo ao curso Bases Neurológicas do Desenvolvimento de 0 a 10 anos

Objetivo
Problematizar o processo de desenvolvimento humano mental, nas suas múltiplas inteligências e respectivos processos de aquisição de aprendizagens; oferecer conceitos e reflexões a respeito de Piaget e suas implicações em contexto educacional; apresentar a relação entre os conceitos da psicologia e da educação; apresentar possibilidades de intervenção efetiva nos processos cognitivos de crianças.

Nível do curso
Superior.

Pré-requisito
A disciplina não possui nenhum pré-requisito.

Programa
Desenvolvimento Humano. Importância do Estudo do Desenvolvimento Humano: fatores que influenciam o desenvolvimento humano. Desenvolvimento Mental. Aspectos do Desenvolvimento Humano: estágio de desenvolvimento cognitivo sensório-motor, estágio de desenvolvimento cognitivo pré-operatório, estágio de desenvolvimento cognitivo operatório concreto, estágio de desenvolvimento cognitivo operatório formal. Teoria de Piaget e o Desenvolvimento da Moral. Adolescente segundo Piaget. Aprendizagem: o desenvolvimento da inteligência. Conceito Tradicional de Inteligência. Inteligência Emocional: teoria das inteligências múltiplas; o desenvolvimento do comportamento social: o processo de socialização; as implicações da teoria de Piaget para as questões educacionais.

Bibliografia
ALCHIERI, J. C.; NORONHA, A. P. P.; PRIMI, R. Guia de referência: testes psicológicos comercializados no Brasil. São Paulo: Casa do Psicólogo, FAPESP, 2003.

ARDILA, A.; OSTROSKY-SOLÍS, F. Diagnóstico del daño cerebral: enfoque neuropsicológico. México: Editorial Trillas, 1996.

ARIÈS, P. História social da criança e da família. 2. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2006.

BALESTRA, M. M. A Psicopedagogia em Piaget: uma ponte para a educação da liberdade. Curitiba: Ibpex, 2007.

BARROS, C. S. G. Pontos da Psicologia Geral. São Paulo: Ática, 1995.

BASSO, C. M. Algumas reflexões sobre o ensino mediado por computadores. 2011.

BEAR, M. F.; CONNORS, B. W.; PARADISO, M. A. Neurociências: Desvendando o sistema nervoso. Porto Alegre: Artmed, 2002.

BEE, H.; BYOD, D. A criança em desenvolvimento. Tradução de Cristina Monteiro. 12. ed. Porto Alegre: Artmed, 2011.

BIAGGIO, Â. M. Psicologia do desenvolvimento. 14. ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

BOCK, A. M. B.; FURTADO, O.; TEIXEIRA, M. L. Psicologias - Uma Introdução ao Estudo da Psicologia. São Paulo: Saraiva, 1993.

BOLDEN, M. As ideias de Piaget. São Paulo: Cultrix, 1983.

BOWDITCH, J. L.; BUONO, A. F. Elementos de Comportamento Organizacional. São Paulo: Pioneira, 1997.

BRAGHIROLLI, E. M. Psicologia Geral. Rio de Janeiro: Vozes, 1995.

CAMPOS, D. M. de S. Psicologia da aprendizagem. 33. ed. Petrópolis: Vozes, 2003.

CAPOVILLA, A. G. S.; CAPOVILLA, F. C. Problemas de leitura e escrita: Como identificar, prevenir e remediar numa abordagem fônica. 3. ed. São Paulo: Memnon, FAPESP, 2004.

CAPOVILLA, A. G. S. Teste de Repetição de Palavras e Pseudopalavras. São Paulo: Memnon, FAPESP, 2004.

CAPOVILLA, A. G. S.; CAPOVILLA, F. C.; SOARES, J. V. T. Consciência sintática no ensino fundamental: correlações com consciência fonológica, vocabulário, leitura e escrita. Psico-USF, 2004.

CARDOSO, A. M. R. A Educação Resgata a Humanidade Perdida do Homem? Fórum Crítico da Educação. Revista ISEP: 2004.

CASTORINA, J. A.; CARRETERO, M. (Orgs.). Desenvolvimento cognitivo e educação: o início do conhecimento. Tradução de Alexandre Salva Terra. Porto Alegre: Penso, 2014.

COUTINHO, M. T. da C.; MOREIRA, M. Psicologia da Educação: um estudo dos processos psicológicos de desenvolvimento e aprendizagem humanos, voltado para a educação. Belo Horizonte: Lê, 1999.

DAVIDOFF, L. L. Introdução à psicologia. 3. ed. São Paulo: Makron Books, 2001.

EYSENCK, M. W.; KEANE, M. T. Psicologia cognitiva: Um manual introdutório. Porto Alegre: Artes Médicas, 1994.

FERNANTES, T. A neuropsicologia cognitiva em revisão: ensaio de um psicólogo. Psychologica, 2003.

FONTANA, D. Psicologia para professores. Tradução de Cecília Camargo Bartalotti. 2. ed. São Paulo: Edições Loyola, 2002.

JOBIM E SOUZA, S.; KRAMER, S. O debate Piaget/Vygotsky e as políticas educacionais. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, 1991.

KRISTENSEN, C. H.; ALMEIDA, R. M.; GOMES, W. B. Desenvolvimento histórico e fundamentos metodológicos da neuropsicologia cognitiva. Psicologia: Reflexão e Crítica, 2001.

LEITE, C. A. R.; LEITE, E. C. R.; PRANDI, L. R. A aprendizagem na concepção histórico cultural. n. 4. Umuarama: Akrópolis, 2009.

LOPES, F.; CAPOVILLA, A. G. S.; BERBERIAN, A. A.; CAPOVILLA, F. C.; MACEDO, E. C. Avaliação de rotação mental em crianças de 1ª a 4ª série: desenvolvimento do teste Imagética Baby-Comp. In: A. G. S. Teoria e pesquisa em avaliação neuropsicológica. p. 115-124. São Paulo: Memnon, 2006.

MÄDER, M. J. Avaliação neuropsicológica: aspectos históricos e situação atual. Psicologia: Ciência e Profissão, 1996.

MARTORELL, G. O desenvolvimento da criança: do nascimento a adolescência. Tradução de Daniel Bueno e Régis Pizzato. Porto Alegre: Artmed, 2014.

OLIVARES, I. C.; SITA, M. Manual das múltiplas inteligências. São Paulo: Ser Mais, 2013.

OLIVEIRA, M. K. de. Teorias psicogenéticas em discussão. 5. ed. São Paulo: Sumus, 1992.

OLIVEIRA, M. K. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento um processo sócio-histórico. São Paulo: Scipione, 1993.

PAPALIA, D. E.; OLDS, S. W.; FELDMAN, R. Desenvolvimento humano. 10. ed. São Paulo: MC Graw, 2006.

PAPALIA, D. E. Desenvolvimento Humano. Tradução: Carla Filomena Marques. 10. ed. Porto Alegre: AMGH, 2010.

PIAGET, J. A epistemologia genética. Petrópolis: Vozes, 1971.

PINO, A. A Psicologia concreta de Vygotsky: implicações para a educação. In: PLACCO, V. M. N. S. (org.). Psicologia e educação: revendo contribuições. São Paulo: FAPESP, 2002.

PRESTES, N. M. H. Educação e racionalidade: conexões e possibilidades de uma razão comunicativa na escola. Porto Alegre: Edipucrs, 1996.

RAPPAPORT, C. R.; FIORI, W. da R.; DAVIS, C. Psicologia do desenvolvimento: teorias do desenvolvimento - conceitos fundamentais. São Paulo: EPU, 1981.

REGO, T. C. Vygotsky: uma perspectiva histórico-cultural da educação. Petrópolis: Vozes, 1995.

RODRIGUES, A. S. Teorias da aprendizagem. Curitiba: IESDE, 2005.

SANTROCK, J. W. Adolescência. 14. ed. São Paulo: McGraw Hill, 2014.

SIQUEIRA, M. J. T.; NUERNBERG, A. H. Linguagem. In: STREY M. N. (org.). Psicologia social contemporânea. Petrópolis: Vozes, 1998.

STERN, A. R. Simplificando a vida. São Paulo: Schoba, 2010.

WADSWORTH, B. J. Inteligência e afetividade da criança na teoria de Piaget. 5. ed. São Paulo: Pioneira, 1996.

Índice de aulas

  1. Desenvolvimento Humano.
  2. A Importância do Estudo do Desenvolvimento Humano.
  3. Desenvolvimento Mental.
  4. Aspectos do Desenvolvimento Humano.
  5. Teoria de Piaget e o Desenvolvimento da Moral.
  6. O Adolescente segundo Piaget.
  7. A Aprendizagem.
  8. Conceito Tradicional de Inteligência.
  9. Inteligência Emocional.