Computação Gráfica 2D

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Introdução aos aspectos práticos e conceptuais da criação gráfica no conceito de bi dimensionalidade. Definição de espaço através do uso de linhas, planos superfície e polígonos. Estudo das formas de animação vectorial. O sistema estrutural de animação vectorial em Flash.

A computação gráfica é a área da computação destinada à geração de imagens em geral — quer como forma de representação de dados e informação, quer como forma de recriação do mundo real. Ela pode possuir uma infinidade de aplicações para diversas áreas. Desde a própria informática ao produzir interfaces gráficas para software, sistemas operacionais e sites na Internet, quanto para produzir arte em animações e jogos.

A produção multimédia integra variadas soluções de hardware e software para o desenvolvimento e armazenamento de todo o tipo de conteúdos orientados para as plataformas audiovisuais existentes, ferramentas 2D e 3D, essenciais em modelação e animação, visualização, animação de personagens, captura de movimento ou traking.

Objectos[editar | editar código-fonte]

  Primitivas 2D, Splines, Nurbs curves, Texto
  Criação/modificação de objectos
  Noção de sub-object, hierarquia de modificadores
  Mo

Animação[editar | editar código-fonte]

  Animação por keyframes
  Edição de keyframes
  Animação de sub-objectos
  Percursos animados
  Utilização da Track View
  Trajetória
  Controle de rotação
  Criação/animação de uma cena
  Uso de modificadores de animação
  Modificadores paramétricos


Multi resolutions for the trees. Distant tree would be images. Mid background tree would be vectorial trees with texture mapped needles. Mid foreground trees would be vectorial trees with image pine needles. Foreground trees would have vectorial pine needles. The tricky tree is the vectorial tree with image needles.