Doutrinas Bíblicas/Graça

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Conceito[editar | editar código-fonte]

Sabe-se que nas páginas do Antigo Testamento o termos hen ou hesed (equivalente a "graça") não tem o mesmo sentido que é dado no Novo Testamento, até pelo fato de não existir uma palavra que expresse diretamente o equivalente de graça no NT. Na maioria das vezes o termo no AT vai se referir a graciosidade, elegância, e até beleza (Sl 45,3; Pv 4,9; 5,19; 11,16; 31,3). É necessário ainda dizer que o termo aparece no AT significando "favor", como no temo "achar graça" (Gn 6:8, entre outros), porem sem associação ao sentido teológico encontrado no NT.

Já o termo Káris (do grego: graça) é encontrado várias vezes no NT, principalmente nas cartas de Paulo e Pedro, Hebreus, Lucas e Atos, tendo o significado de: o que dá com alegria, ou favor. O temo graça no NT sobretudo sig­nifica a graça de Deus ou de Cristo; a benevolência ativa, ou os favores concedidos por Deus ou por Cristo (Rom 3,24; 4,4; 5,15; Gál 2,2i), como também a obra que Deus levou a efeito por Cristo, a nova economia da salvação (Rom 5,2; 6,14s; Gál 5,4; 2Cor 6,1; Hb 12,15; l Pd 5,12), e até a mensagem da salvação, o evangelho (At 13,43; Hb 13,9; cf. At 20,24.32).

Textos Base[editar | editar código-fonte]

Efésios 2:4-10 (Versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel)[editar | editar código-fonte]

4. Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou,
5. Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos),
6. E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;
7. Para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da sua graça pela sua benignidade para conosco em Cristo Jesus.
8. Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
9. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
10. Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

Romanos 5:12-21 (Versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel)[editar | editar código-fonte]

12. Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram.
13. Porque até à lei estava o pecado no mundo, mas o pecado não é imputado, não havendo lei.
14. No entanto, a morte reinou desde Adão até Moisés, até sobre aqueles que não tinham pecado à semelhança da transgressão de Adão, o qual é a figura daquele que havia de vir.
15. Mas não é assim o dom gratuito como a ofensa. Porque, se pela ofensa de um morreram muitos, muito mais a graça de Deus, e o dom pela graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou sobre muitos.
16. E não foi assim o dom como a ofensa, por um só que pecou. Porque o juízo veio de uma só ofensa, na verdade, para condenação, mas o dom gratuito veio de muitas ofensas para justificação.
17. Porque, se pela ofensa de um só, a morte reinou por esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo.
18. Pois assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a graça sobre todos os homens para justificação de vida.
19. Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos.
20. Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça;
21. Para que, assim como o pecado reinou na morte, também a graça reinasse pela justiça para a vida eterna, por Jesus Cristo nosso Senhor.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Evangelhos Sinóticos[editar | editar código-fonte]

Escritos de Paulo[editar | editar código-fonte]

Escritos de Pedro[editar | editar código-fonte]

Escritos de João[editar | editar código-fonte]

Referências Bibliograficas[editar | editar código-fonte]

Buckland, Dicionário Bíblico Universal. São Paulo, Editora Vida, 1981.
Born, A. Van Den. Dicionário Enciclopédico da Bíblia. Rio de Janeiro, 1977.
Blog Doutrinas Bíblicas. A graça de Deus. Disponível aqui, em 17/06/2014.