Encontro de Acadêmicos pelo Conhecimento Livre/Sinopse do Encontro

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Writing.png Esta página é somente um esboço. Ampliando-a você ajudará a melhorar a Wikiversidade.


Este é um breve resumo do que ocorreu no Encontro de Acadêmicos pelo Conhecimento Livre e a versão inicial foi originalmente publicada aqui.

Acesso aberto[editar | editar código-fonte]

Cameron Neylon (PLOS) falou, via video conferência, sobre a experiência da PLOS, uma das maiores revistas de acesso aberto da atualidade.

Sueli Ferreira (USP) comentou sobre o esforço para a criação dos repositórios institucionais com uso de metadados e o quanto a colaboração entre as universidades paulistas nesse esforço será vantajoso.

Ferramentas científicas abertas[editar | editar código-fonte]

Rafael Pezzi (UFRGS) abordou a questão de hardware livre partindo da sua experiência no Centro de Tecnologia Acadêmica IF-UFRGS.

Fabio Kon (CCSL/IME-USP) abordou a questão de software livre partindo de sua experiência com o grupo de software livre do IME-USP e colaborações feitas com outras áreas.

Daniel Tavares (LNLS) também abordou a questão de hardware livre partindo de sua experiência no Laboratório Nacional de Luz Síncrotron.

Dados científicos abertos[editar | editar código-fonte]

Ewout ter Haar (USP) falou sobre dados abertos e privacidade (os slides encontram-se disponíveis em [1]).

Jorge Machado (USP) comentou sua experiência em pedir a liberação de dados pelo governo utilizando a Lei de acesso à informação (ou Lei 12.527/2011). Foi dado ênfase no classificação dos periódicos pela CAPES e das informações da plataforma Lattes.

Robson Souza (USP) falou sobre a questão de dados abertos no campo das ciências moleculares que já a bastante tempo possui repositórios púbicos.

Educação aberta[editar | editar código-fonte]

Debora Sebriam (REA-BR) falou sobre o que são considerados Recursos Educacionais Abertos e o fracasso da Lei Estadual de São Paulo decorrente do veto do governador.

Tel Amiel (Unicamp) também tratou sobre Recursos Educacionais Abertos de modo a complementar o que foi levantado pela Debora.

Ciência cidadã[editar | editar código-fonte]

Artur Rozestraten (USP) falou sobre o projeto Arquigrafia que recuperou slides/fotos antigas da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, tornou este arquivo público e tornou possível que professores, alunos e entusiastas aumentassem o acervo com novas fotos.

Eduardo Oda (GHC) falou sobre o Garoa Hacker Clube, sua atividades, funcionamento, ...

Wikipesquisas[editar | editar código-fonte]

Alexandre Hannud Abdo (USP) abordou o uso de wikis para a colaboração entre pesquisadores.