Filosofia da mente: Identidade

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



A filosofia da mente investiga questões como as seguintes:

  • A mente é uma coleção de pensamentos e sentimentos particulares ou é uma entidade superior aos mesmos?
  • Se a mente for uma entidade, ela é uma entidade física?
  • Qual a relação entre a mente e o corpo?

Mente é a definição que damos ao estado da nossa consciência ou subconsciência relativo ao conjunto de pensamentos gerados pelo cérebro humano. 'Mente' é o termo mais comumente utilizado para descrever as funções superiores do cérebro humano, particularmente aquelas das quais os seres humanos são conscientes, tais como o pensamento, a razão, a memória, a inteligência e a emoção. O termo também descreve a personalidade.

O termo costuma ser utilizado para designar capacidades humanas, mas estudos vem mostrando que outros animais, tais como os primatas, têm a capacidade de pensar (têm atitudes proposicionais).

O termo também é empregado para designar capacidades de seres sobrenaturais, como na expressão "A mente de Deus".

Grosso modo, há três posições sobre a natureza da mente. Os dualistas defendem a tese da distinção entre mente e corpo. Os monistas defendem a tese da identidade entre mente e corpo. Os epifenomenalistas defendem a tese da superveniência da mente sobre o corpo.