Mata galinha

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Mata galinha,da origem ao hoje bairro Dias Macedo.

por Aldir Felipe

Nos anos de 1820 numa comunidade pobre da periferia da cidade de Fortaleza,vindos do interior e do rio grande do norte da localidade chamada de serra das Antas ,uma familia que teve umas terras emprestadas para fazer moradia,chegara por aqui para fixar residencia,eram o sr. Pedro Dantas ,sua esposa e filhos.

A seca castigava o estado do Ceara, o ano era 1877,Pedro procurou seu compadre o sr Tomás Lourenço que tinha umas terras por aqui e justamente nessa localidade,pedro pediu um canto para se instalar com sua família e nessa mesma localidade uma cacimba , denominada de caraubas serviu aos primeiros moradores da comunidade.A casa ficava justamente onde hoje é a igreja matriz de são Francisco de Assis,Conta nos um dos moradores mais antigos o senhor Joaquim Nogueira Dantas , mais conhecido como Quincas Dantas entao filho de Pedro Dantas, que um riacho chamado lagoa dos cachorros (hoje bairro Boa Vista ) a passagem da agua era muito violenta no inverno e continuava no verao ,e um homem vendedor de galinhas trazia no ombro um galão com as ditas penosas,quando foi arrastado pela correnteza das aguas ao chegar ao meio,e foram levadas pela agua todas as galinhas.A partir do ocorrido a localidade ficou conhecida como Mata Galinha.Fortaleza vivia de nostalgicas festas regadas a saraus e serenatas e os grandes músicos e poetas faziam pousada na casa do Pedro Dantas.Pedro Dantas fixou residencia na localidade com sua esposa e filhos,tinha uma devoção a são Francisco de Assis,e em homenagem ao santo,construiu uma capela coberta de zinco,onde todos os anos tiravam o novenario encerrando com a festa no dia 04 de outubro, dia do santo.Nessa época esta área de Fortaleza era toda rural,começando do alto da balança até o bairro prefeito jose walter.As noites do novenário de Sao Francisco,contavam com grandes nomes da musica de Fortaleza,também a banda de músicos da policia militar do ceara se fazia presente.Na capelinha de São FRANCISCO acontecia o novenário e tambem o catecismo que era conduzido pelas irmãs Francisquinha e joaninha Dantas onde preparavam as crianças para a primeira comunhão e sempre diziam que esta festa de comemoração deveria ser a mais importante para os cristãos católicos.Em frente a capela ficava a casa grande do senhor Pedro Dantas,onde abrigava ainda outros parentes,alem de todos os hospedes e visitantes que vinham para o festejo do santo,nesse mesmo local existia ainda a casa de farinha e um palco que servia para apresentacoes artisticas e litero musicais ,assim como os dramas e pastoril criados e dirigidos pelos irmãos Joaquim Nogueira Dantas (Quincas) e Francisquinha Nogueira Dantas,arte e música acompanhados com musicos selecionados,os dramas remetiam aos grandes musicais hollywoodianos. Bailados ,baianas,folguedos e esquetes ,faziam parte desse universo de artes.Os filhos de Pedro Dantas ,Eram:Joaquim (Quincas Dantas) ,Jose dantas (Zeca),Maria Saraiva,Francisquinha,Joaninha,Raimundo,Mariinha e Maria do carmo e poetas, músicos,como Otacilio Azevedo,Boanerges Gomes, entre outros .Quando essa área de Fortaleza deixou de ser rural,logo que surgiu o primeiro conjunto habitacional prefeito José Walter,a família Macedo possuia uma fazenda denominada Uirapurú e dai saia leite e laticinios que abasteciam a capital e parte do estado,foi criada no bairro a primeira escola chamada São jose e que ficava na rua Pedro Dantas ,proximo a residencia do sr Francisco Mota e sr Luis Aracati,o bairro teve esses nomes :Mata galinha,Parque Olinda, Nova esperança e finalmente Dias macedo