Núcleo de Estudos Escola e seus Objetos

Fonte: Wikiversidade
NEO - GRUPO DE PESQUISA.png

Grupo de pesquisa criado em 2016 para pesquisar e estudar sobre a histórica da cultura material escolar: práticas, mercado, inovações. É vinculado à Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC SP), pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação chamado Educação: História, Política, Sociedade (PEPG EHPS). Às pesquisas deste grupo, interessa a experiência material como uma cultura do objeto que ultrapassa o estudo do próprio objeto, dá-se ênfase ao artefato como resultado de certas formas específicas e historicamente determináveis da organização dos homens em sociedade, sendo produto e vetor das relações sociais.

O estudo dessas mediações, imbricadas, abrem-se para as quatro perspectivas de interesse desse projeto: a produção e uso das tecnologias de ensino e a entrada de inovações no ambiente escolarizado; as formas de interiorização e apropriação dos objetos pelo corpo, pensando as conduções motoras e a formação e interiorização da memória corporal na constituição do habitus; o estudo do espaço entendido como ambiente de proxemia, ou seja, local da síntese entre o corpo-objeto-espaço, julgando a constituição dos sujeitos em suas experiências; e, por fim, nas preocupações em torno da salvaguarda da materialidade do passado na sua forma patrimonial. Pretende-se a criação de um sistema de hipótese em torno da natureza etnográfica dos indícios visíveis e tangíveis da escola, buscando os sinais e significados que esses materiais exibem sobre o universo escolar em situações e períodos diversos.


CONTATO': @neo.pucsp

MEMBROS[editar | editar código-fonte]

Katya Misuko Zuquim Braghini - coordenadora

Ricardo Tomasiello Pedro- integrante

Raquel Quirino Piñas - integrante

Andrezza Silva Cameski- integrante

Camila Marchi da Silva - integrante

Danielle Barreto Lima - integrante

Bruno Bianchi Lopes Gonçalves- integrante

Matheus Luiz de Souza Céfalo - integrante

Paula Maria de Assis - integrante

André Condes Ferreira - integrante

Igor Stepanenko - integrante

William Marcos Botelho - integrante

Alessandra Ramalho Santos - integrante

Ações do NEO[editar | editar código-fonte]

Desde 2018, o NEO reúne-se quinzenalmente, organizando ações como discussões acadêmicas, organização e criação de inventário, apresentação de trabalhos concluídos ou em andamento.

Inicialmente, o grupo se reunia nas dependências do Colégio Marista Arquidiocesano de São Paulo, passando a se encontrar após finalização das atividades relacionadas ao inventário, na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Em 2008, deu-se a criação do órgão Memorial do Colégio Marista Arquidiocesano de São Paulo, sediado no próprio colégio. Sua responsabilidade está sobre os objetos escolares centenários pertencentes à instituição. Trata-se da observação do estado de conservação de peças ainda em uso; análise diagnóstica das coleções museológicas; guarda e conservação de documentos diversos.

O NEO organizou o inventário dos objetos de Física e Química e foi pensado como ferramenta de gestão e peça chave para a produção de novos conhecimentos, sejam eles acadêmicos ou não. Criou-se uma ficha específica para este inventário, a fim de destinar adequado tratamento às informações inseridas num banco de dados gerado junto ao sistema Pergamum - integrado de bibliotecas -, mas, neste caso, pensado para a base de dados museológica.

Nas discussões, realizam-se leituras de autores cujas produções intelectuais dialogam com as propostas temáticas do grupo, como Walter Benjamin, Edward Palmer Thompson, Carlo Ginzburg, Karl Marx, Raymond Williams, Terry Eagleton, Pierre Bourdieu, entre outros.