Pesquisa:Inquérito crack Brasil/Instruções para coleta de dados

Da wiki Wikiversidade
Ir para: navegação, pesquisa

Da seleção do domicílio[editar | editar código-fonte]

1. Os entrevistadores devem anotar no mapa do setor censitário o percurso feito, indicando com setas ou números a ordem das ruas percorridas.

2. Caso haja novas ruas/vielas no setor censitário que não estavam previamente mapeadas, fazer esta atualização no mapa, e anotar no “caderno de campo” esta modificação. Estas deverão também ser percorridas.

3. Os prédios com apartamentos NÃO devem ser contados como um único domicílio. Deve-se contar a quantidade de apartamentos no prédio. Com isso, em alguns casos podemos ter duas ou mais entrevistas no mesmo prédio, desde que se obedeça a listagem das amostras selecionadas repassadas a cada um dos entrevistadores.

4. A contagem dos apartamentos nos prédios deve ser prioritariamente com a informação do zelador ou síndico. Caso o prédio não possua, deve perguntar a um dos moradores. Em casos extremos em que essas duas outras indicações não forem atendidas, deve contar a quantidade de apartamentos através do interfone, quando este indicar o número dos apartamentos.

5. Nos prédios, caso o zelador/síndico não permita a entrada do entrevistador, deve-se tentar mais duas vezes em turnos/dias diferentes neste mesmo local. Após a 3ª tentativa sem sucesso, seleciona-se o domicílio seguinte.

6. Existem casos extremos em que o zelador/síndico ou o indivíduo recusam-se expressamente a participar ou prestar informações. Deve-se, então, selecionar o domicílio seguinte. Esta informação deve ser anotada no “caderno de campo”.

7. Quando dentro de um prédio, para enumerar os domicílios, siga a própria numeração dos apartamentos, em ordem crescente. Neste caso, não se utiliza a contagem do lado direito e seguindo o sentido horário.


Da seleção do indivíduo[editar | editar código-fonte]

8. Ao apresentar-se no domicílio, informe que você está realizando uma pesquisa para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) do Ministério da Saúde. Esta pesquisa tem o objetivo de subsidiar políticas públicas no controle do consumo de drogas.

Se achar adequado, comente que essa pesquisa faz parte do Plano Nacional de Enfrentamento ao Crack, do Governo Federal.

Comente que esta é uma pesquisa da percepção da população geral a respeito do crack e outras drogas. Então mesmo que ela diga que não conhece nenhum usuário de drogas, é importante a sua participação.

9. Ao selecionar o indivíduo no domicílio a ser entrevistado, a escolha do aniversariante mais próximo deve ser entendida como o primeiro aniversário após a data de entrevista, mesmo que seja no ano seguinte.

Nos casos em que a pessoa com o aniversário mais próximo não estiver apta a responder ao questionário – por doença, deficiência ou viagem prolongada – deverá ser selecionada a outra pessoa dentro do mesmo domicilio que tenha o aniversário seguinte. Nesses casos, o endereço completo desse domicílio deve ser anotado no “caderno de campo”.

10. Na listagem inicial dos indivíduos do domicílio, a coluna de “endereço” da tabela deve ser sempre preenchida na primeira linha apenas com o número do setor censitário.

11. O endereço, no caso de indivíduos não aptos, deverá ser anotado apenas no caderno de campo e não na tabela.

12. Para os indivíduos aptos, não é preciso preencher a coluna de “motivo”. Caso esta célula seja selecionada acidentalmente e a pessoa seja apta, preencha com “ausente”.

13. Caso o indivíduo selecionado, através da listagem inicial de pessoas do domicílio, não se encontre presente, deve-se tentar mais duas vezes, em turnos/dias diferentes, perguntando preferencialmente sobre os melhores horários para encontrá-lo.

14. Caso o indivíduo se recuse a participar da entrevista, deve-se tentar mais duas vezes com este mesmo indivíduo em turnos/dias diferentes. Caso após a 3ª tentativa ele continue não querendo participar, deve-se selecionar o domicílio seguinte.

15. Caso o indivíduo concorde em participar e desista, durante a entrevista, de responder ao questionário, o entrevistador deve considerar esta amostra como realizada. Com isso, deve passar para o próximo domicílio indicado na listagem das amostras.


Dos procedimentos finais[editar | editar código-fonte]

16. Após ter feito a última entrevista no setor censitário, o entrevistador deve continuar percorrendo este, fazendo a contagem dos domicílios restantes até o ponto final marcado do setor censitário. Esta informação deve ser anotada no “caderno de campo”, indicando ainda se esta parte final é similar ou não aos demais domicílios pesquisados do setor.

17. Caso o setor censitário seja percorrido por completo e não sejam alcançadas as dez amostras/entrevistas previstas, encerrar este setor e seguir para outro previsto. Essa informação deve ser anotada no “caderno de campo” e comunicada imediatamente à empresa contratante.

18. A exportação dos questionários – via wi-fi (Internet sem fio) – deve ser feita todos os dias após o término do trabalho de campo. Caso não exista a possibilidade, o entrevistador pode continuar normalmente com a coleta. O envio dos dados, contudo, não deve ultrapassar 48h. O envio pode ser feito de casa, LAN-Houses, Internet Cafés ou outros locais com Wi-Fi disponível, por exemplo, nos setores censitários que o entrevistador visite.


Orientações adicionais[editar | editar código-fonte]

19. Caso o PDA ou o GPS apresentem algum problema de funcionamento no campo, isto deve ser notificado imediatamente a empresa contratante.

20. Nos casos em que apenas o GPS não estiver funcionando corretamente, e este não puder ser trocado/reparado imediatamente pela empresa, os endereços completos dos domicílios selecionados devem ser anotados no “caderno de campo”.

21. Caso o PDA apresente problemas que não possam ser solucionados imediatamente, o questionário pode ser realizado em papel. Porém, deve-se informar à empresa contratante quais foram as amostras e respectivos setores censitários realizadas em papel.

Esses questionários devem ser posteriormente transcritos para o PDA no local do domicílio para que sejam coletadas as informações do GPS.

22. Caso existam mais dúvidas sobre o preenchimento do questionário ou sobre a utilização do PDA, os entrevistadores devem entrar em contato com a empresa contratante através do telefone informado.

23. Nos casos dos entrevistadores serem abordados por policiais, deve ser informado o nome e número do CNPJ da empresa e, caso necessário, o telefone de contato desta.