Projeto Cuidando do Meu Bairro/Guia do usuário

Fonte: Wikiversidade
Documentação

Para o público em geral:

Técnica:

Avisos de bugs ou sugestões

Créditos e licenças  100 percent.svg


   00 percent.svg 0%    25 percents.svg 25%     50 percents.svg 50%     75 percents.svg 75%     100 percent.svg 100%

Navegando por https://cuidando.vc tem-se acesso à parte pública do sistema. Clicando em "Entrar" tem-se acesso aos recursos do modo autenticado.

Descrição da Plataforma[editar | editar código-fonte]

A ferramenta do Cuidando do Meu Bairro deixa de ser apenas uma visualização do orçamento municipal para se tornar uma plataforma colaborativa de monitoramento e discussão sobre o mesmo. Isso se dá ao permitir aos usuários comentarem pontos existentes no mapa e solicitarem informações adicionais sobre alguma despesa para o órgão público responsável por aquele investimento público.

Na ilustração abaixo é exibida a nova página principal que apresenta a visualização em mapa, unanimemente apontada pelos usuários da primeira versão da ferramenta interessante para despertar o interesse pelo tema apresentado. Logo abaixo é apresentada uma linha de tempo com todas as atividades realizadas na plataforma relativas tanto as interações de baixo para cima (novos dados obtidos do portal governamental para da ferramenta), de cima para baixo (pedidos de informação realizados ou respostas do governo a eles) como também as horizontais (comentários entre os usuários da ferramenta).

Página inicial da ferramenta com a visualização dos gastos públicos em mapa e a linha de tempo das interações (comentários e pedidos de informação para o governo) e atualizações dos status dos dados.

Ao clicar sobre uma despesa representada no mapa, pode-se adicionar um comentário de texto à mesma. Para tanto o usuário precisaria primeiramente realizar um cadastro ou login na plataforma. Dessa forma conversas poderiam ser construídas ao redor de uma despesa, não apenas adicionando mais dados a ela, como também conectando pessoas interessadas nela.

Na ilsutração a seguir é apresentada a tela de detalhamento da despesa, onde são oferecidas as informações relativas ao status do gastos (planejado, empenhado e liquidado)e respectivos montantes, bem como informações sobre o órgão público responsável em conduzir o gasto e outras informações. Optou-se por uma simplificação na forma de exibição nessa nova versão da ferramenta assim como diminiur o apelo do mapa nessa tela para que haja mais destaque para o progresso do gasto e principalmente para as interações.

Página de detalhamento da despesa com a evolução do gasto e com os canais de diálogo horizontal (comentários) e vertical (pedidos de informação).

Para promover a comunicação de baixo para cima, Cuidando do Meu Bairro 2.0 faz o interfaceamento da plataforma com o sistema de pedidos de acesso à informação da prefeitura, o E-Sic. Essa funcionalidade permite aos usuários realizar e acompanhar pedidos de acesso à informação, de forma colaborativa, através da própria ferramenta. As informações permanecem públicas, favorecendo a construção de uma memória coletiva e evitando a replicação de pedidos. A tela abaixo é exemplo de interação vertical bem sucedida: através da ferramenta foi realizado um pedido de informação sobre o andamento de uma obra e dentro do prazo previsto em lei, a resposta foi recebida e publicada na página de detalhamento do gasto.

Exemplo de interação vertical propiciada pela ferramenta com pedido de informação submetido para o executivo municipal e respectiva resposta pública.

Como nem todas as despesas são possíveis de serem mapeadas seja por sua natureza, seja por falta do detalhamento necessário para isso, a plataforma também apresenta os dados orçamentários completos em tabelas para visualização dos usuários ou para consumo automatizado. Também são apresentados infográficos sobre a evolução dos empenhos e liquidações frente ao que foi planejado e a metodologia de coleta e visualização dos dados.

A partir dessa tela (ilustrada abaixo) também é possível clicar sobre cada gasto, o que levará à página de detalhamento do gasto com as informações do status específico daquela despesas e os canais de diálogo anteriormente descritos.

Outras formas de visualização e oferta de dados que não são possíveis de serem apresentados no mapa da cidade.

Uso autenticado[editar | editar código-fonte]

Autenticar-se é entrar com sua senha. Uma vez autenticado o usuário passa a ter acesso a outros recursos, conforme descrito acima:

  • comentar pontos e despesas;
  • replicar comentários de outros (discussão);
  • submeter perguntas ao eSIC.

...