Educação Aberta/Elementos de uma resenha crítica

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Pense na resenha crítica como um texto de um crítico de cinema. Você pode ler a crítica para saber se você verá o filme - mas você pode ver o filme primeiro e ler uma série de críticas para saber como outras pessoas (os críticos) interpretaram o flime. Esse segundo modelo é o nosso objetivo! A resenha crítica não tem como objetivo resumir o texto para alguém que nunca leu o texto.

Para escrever sua pense numa pessoa que leu o texto e agora quer ouvir a voz de outra pessoa sobre o texto que ela acabou de ler.

A resenha crítica é a junção de uma resumo (resenha) e uma interpretação/contextualização (crítica).

Resumo do trabalho[editar | editar código-fonte]

Em um parágrafo conte o que o que o texto aborda. Não use o resumo que o autor providencia - fale em suas palavras. Curto!

Apresentação do trabalho[editar | editar código-fonte]

Ao ler o texto, mapeie as principais ideias, conceitos ou temas abordados. Aqui, o seu objetivo é dar voz ao texto e aos autores, e não adicionar sua crítica ou o seu comentário.

Evite simplesmente resumir as seções do texto. Em outras palavras, não escreva sua resenha dizendo: "Na primeira seção/parte, o autor/a fala sobre... Na segunda seção/parte...". Com base nas principais ideias ou temas abordados, pense numa maneira interessante de resumir o texto. De fato, algumas coisas (menos importantes, no seu olhar) podem ficar de fora. Você não precisa resumir tudo. Foque nos elementos que parecem ser mais importantes e essenciais sobre o texto.

Não há um tamanho específico, já que os textos variam bastante de tipo e tamanho. Mas pense que isso é uma resenha, então vamos usar como princípio algo como 3-5 páginas em espaçamento duplo.

Conclusão do trabalho[editar | editar código-fonte]

Quais são as principais conclusões do estudo? Aqui você pude resumir em poucos parágrafos ou talvez em uma lista com pontos principais. Também, curto!

Análise[editar | editar código-fonte]

Agora partimos para o trabalho de maior reflexão. Como organizar a sua reflexão, vai partir de você. O objetivo agora é trazer a sua voz e trazer o contexto atual para olhar para o texto. Se antes o objetivo era relatar a voz dos autores, aqui você quer contextualizar o texto no momento atual e no lugar de onde você fala. Como você acha que esse texto se contextualiza no momento atual que vivemos (pense no panorama da educação brasileira no momento, por exemplo)? Como ele contribui para entendimento da EaD na atualidade (ou historicamente)?

Novamente, não há um guia claro de tamanho para essa seção, mas ela é mais curta que a apresentação do trabalho. Pense em algo como 1-2 ṕaginas em espaçamento duplo.

Crítica[editar | editar código-fonte]

Apresentado o trabalho e sua análise, agora você pode partir para uma breve crítica, inclua três itens (2-3 parágrafos bastam).

  • O que você acha que o trabalho poderia ter abordado de forma diferente?
  • O que você acha que ficou faltando do trabalho, poderia enriquecê-lo?
  • O que você recomendaria como trabalhos futuros?