Educação Aberta/Instagram

Fonte: Wikiversidade
Esse texto precisa de revisão em conteúdo ou forma para que possa ser utilizado. Veja as atuais sugestões e proponha melhorias na aba de discussão.
Logo do Instagram
Logo do Instagram

É uma rede social online de compartilhamento de fotos e vídeos entre seus usuários. surgiu para o publico no dia 6 de outubro de 2010, sendo desenvolvido pelos engenheiros de programação Kevin Systrom e o brasileiro Mike Krieger. A intenção dos dois quando criaram foi de resgatar a nostalgia do instantâneo que as câmeras Polaroid tinham, de revelar a fotografia no ato do disparo.

Partindo desta premissa eles criaram o Instagram a partir de uma simplificação de um outro aplicativo criado por eles, chamado de Burbn, em que esse aplicativo iria ser uma rede social mais complexa agregando varias funções, mas decidiram ser mais simples e focar uma função que foi a fotografia, e nisso nasceu o Instagram.[1]

Hoje a rede conta com 1 bilhão de usuários e em 9 de abril de 2012, o Facebook adquiriu o Instagram, por aproximadamente 1 bilhão de dólares.[2]

O que faz[editar | editar código-fonte]

O Instagram é uma rede social principalmente visual, onde um usuário pode postar fotos e vídeos de curta duração, aplicar efeitos a eles e também interagir com publicações de outras pessoas, através de comentários e curtidas, as curtidas possuem como símbolo um coração vermelho e com ele é possível medir a popularidade e interação que há nas postagens realizadas. Em 2019, ocorreu uma grande mudança no Instagram envolvendo as curtidas, em que não é mais possível pelo o aplicativo do celular visualizar a quantidade de curtidas que a postagem recebeu, contudo se acessa a plataforma pelo navegador do computador ainda é possível visualizar.[3] Ao tirar ou carregar uma foto é permitido aplicar filtros digitais e compartilhá-los em uma variedade de serviços de redes sociais, como Facebook, Twitter, Tumblr e Flickr  e em 2016 em uma disputa com outra ferramenta o SnapChat a mesma lança no seu serviço a opção stories ou "snapgram", "instastories" videos de 15 segundos, que expiram em 24 horas para o público. Além disso, um usuário pode seguir o outro para poder acompanhar suas postagens e suas atividades dentro da rede, também tem a opção de "Explorar", nesta aba é possível visualizar uma galeria de publicações de pessoas do mundo todo, é mostrado publicações baseada em seu gosto pessoal, inspirada nos perfis que você segue ou fotos que curtiu, este recurso possibilita a descoberta de novos perfis que despertem o seu interesse, já que, de alguma forma, se encaixam com suas preferências dentro da rede.[4] O número de seguidores inclusive contribui para a visibilidade do perfil. Nele também encontramos as famosas hashtags, que servem como um mecanismo de busca das publicações, e ajuda na hora de segmentar o seu público, caso possua uma página para sua marca.[5]

Privacidade[editar | editar código-fonte]

Recolhe os conteúdos, comunicações e outras informações que o usuário fornece quando utiliza o Produto, incluindo quando se regista numa conta, cria ou partilha conteúdos e envia mensagens ou se comunica com outras pessoas. O sistema do instagram trata automaticamente os conteúdos e as comunicações que você e as outras pessoas fornecem para analisar o contexto e o assunto dos mesmos para te oferecer conteúdo de acordo com o que gosta.

Recolhe informações sobre as pessoas, páginas, contas, hashtags e grupos a que está ligado e sobre a forma como interage com os mesmos; por exemplo, as pessoas com quem mais se comunica ou os grupos dos quais fazes parte. Também recolhe informações de contato se optar por carregar, sincronizar ou importar as mesmas a partir de um dispositivo (como uma lista de contatos ou um histórico de registo de chamadas ou de SMS), que o Instagram utiliza para ajudar-te a encontrar pessoas que possam conhecer.

O Instagram utiliza as informações recolhidas sobre a sua utilização dos Produtos no seu telemóvel para personalizar da melhor forma os conteúdos (incluindo anúncios) ou para medir se efetuaste uma ação em resposta a um anúncio que te apresentam no seu telemóvel num dispositivo diferente. Dentre essas funcionalidades cabem operações no dispositivo, identificadores, sinais do dispositivo e dados de cookies.

Coleta de dados[editar | editar código-fonte]

Utiliza as informações que tem para fornecer os Produtos, incluindo para personalizar funcionalidades e conteúdos ( Feed de Notícias, o Feed do Instagram, o Instagram Stories e os anúncios) e para fazer sugestões (como grupos ou eventos nos quais possa estar interessado ou tópicos que possa pretender seguir) dentro e fora dos Produtos do Instagram. Para criar Produtos personalizados que sejam únicos e relevantes para os usuários, utilizam as ligações, preferências, interesses e atividades com base nos dados que recolhem e que são fornecidos por ti e por terceiros (incluindo dados com proteções especiais que opta por fornecer).

Venda de Dados[editar | editar código-fonte]

Vende anúncios e outros conteúdos patrocinados: utilizando as informações que possui sobre o usuário (incluindo informações sobre os interesses, ações e ligações) para selecionar e personalizar anúncios, ofertas e outros conteúdos patrocinados que apresentam.

Medidas que você pode tomar[editar | editar código-fonte]

Desative o recurso de localização das fotos[editar | editar código-fonte]

As fotos compartilhadas no Instagram podem receber uma marcação com o local do usuário no momento da publicação, permitindo que qualquer pessoa acompanhe a rotina sem o conhecimento do usuário que publicou a foto. Para que as imagens não sejam localizadas, é necessário desabilitar o recurso de localização da câmera do celular e não ativar o mapa no momento da publicação da foto no Instagram. Isto é, ao publicar uma imagem, não adicione um local.

Exclua a localização de fotos e vídeos já postados[editar | editar código-fonte]

Para excluir as informações de geolocalização das fotos e vídeos já postadas na rede social, acesse seu perfil e clique no ícone de localização para visualizar um mapa que mostra as fotos agrupadas pelo local onde foram publicadas. Selecione um grupo de imagens e confirme se você realmente quer excluir tais informações. O Instagram apagará definitivamente os dados relacionados ao local onde a imagem foi publicada.

Aprove as fotos em que foi marcado[editar | editar código-fonte]

O padrão do Instagram é exibir automaticamente no perfil do usuário as fotos em que ele foi marcado. O perfil só exibirá as imagens desejadas e o Instagram enviará notificações sempre que o usuário for marcado em uma nova foto. Para alterar a configuração para publicações futuras, clique em Opções – os três pontinhos no canto superior direito do app – e selecione Adicionar Manualmente. Se o usuário desejar alterar as fotos em que já foi marcado, basta clicar no ícone com três pontos logo abaixo da imagem escolhida. Além de decidir se a foto será exibida ou não em seu perfil, é possível remover a marcação clicando em Opções de fotos e selecionando, em Fotos com você, a opção Remover marcação.

Torne sua conta visível apenas para conhecidos[editar | editar código-fonte]

O usuário deve pensar bem antes de compartilhar qualquer informação no Instagram. Por padrão, as fotos publicadas na rede ficam disponíveis para qualquer um na internet e poderão ser salvas por qualquer pessoa que acessá-las. Além disso, é importante tomar cuidado com fotos durante uma viagem. Elas poderão indicar a um criminoso que o usuário está longe de casa e que é um bom momento para roubá-lo. Uma solução é alterar a visibilidade da conta e torná-la privada. Assim, os demais usuários precisarão enviar solicitações para ver suas imagens. Para compartilhar fotos apenas com pessoas conhecidas, vá em Opções e selecione Conta Privada.

Tome cuidado com aplicativos integrados[editar | editar código-fonte]

Se a conta no Instagram estiver integrada com outras redes sociais como Facebook ou Twitter as publicações poderão estar visíveis para qualquer pessoa e as configurações de privacidade destas plataformas também deverão ser atualizadas.

Além disso, é importante se certificar que aplicativos complementares ao Instagram realmente são confiáveis. Antes de confirmar o cadastro em um editor de imagem com mais recursos, por exemplo, o usuário deve visualizar que tipo de informações o aplicativo terá acesso. Alguns aplicativos pedem permissão para visualizar as fotos, o perfil e a lista de amigos no Instagram. O recomendável é dar o menor número de permissões possível.

Use senhas fortes e únicas[editar | editar código-fonte]

Para tornar o perfil no Instagram mais seguro, é fundamental definir uma senha forte e que inclua letras, números e símbolos. Quanto mais caracteres, maior a dificuldade de um criminoso descobrir a senha. O ideal é não utilizar a senha do Instagram em outras redes sociais. Se um cibercriminoso descobre a senha de um usuário, ela provavelmente será testada nos principais serviços online, tornando o prejuízo ainda maior.

Tome cuidado com redes públicas[editar | editar código-fonte]

Antes de publicar uma foto no Instagram, é comum procurar por redes Wi-Fi públicas. Entretanto, é preciso tomar cuidado com a segurança da conexão localizada pelo aparelho. O usuário pode ser vítima de um ataque "mesmo nas redes que têm senha e que são bem protegidas". Neste caso, o dispositivo seria atingido por meio de um redirecionamento malicioso depois de fazer o login na rede.[6]

Desvincular o perfil do Instagram de aplicativos[editar | editar código-fonte]

Pelo celular, acesse o seu perfil no Instagram > clique em configurações > clique em conta > contas vinculadas > escolha o aplicativo que queira desvincular do Instagram.

Colocar o perfil ou conta no modo privado[editar | editar código-fonte]

Você pode optar por tornar sua conta privada. Se a conta for privada, é você quem aprova as pessoas que o seguem e pode remover seguidores a qualquer momento. Uma conta privada significa que o conteúdo publicado por você não pode ser visto por alguém que não tenha aprovado. Se você já tiver uma conta pública, poderá mudar para uma conta privada a qualquer momento. Também pode mudar de conta privada para pública. Você pode remover seguidores, escolher quem pode comentar e muito mais. Você também pode desativar a opção "Mostrar status da atividade" para que seus amigos não vejam quando você estiver online.

Acesse o seu perfil no Instagram > clique em configurações > privacidade > conexões > privacidade da conta > configure a chave para tornar a conta privada.

Desativar a localização[editar | editar código-fonte]

Siga até as configurações do seu celular e desative os serviços de localização, assim o Instagram não terá permissão de utilizar a sua localização.

Bloquear contas[editar | editar código-fonte]

Quando você bloqueia uma conta, a pessoa não vê mais seu perfil, publicações ou Stories no Instagram. As pessoas não são notificadas quando bloqueadas e você pode desbloquear uma conta a qualquer momento, se desejar.

Controle de comentários[editar | editar código-fonte]

Você está no controle de quem pode comentar em suas fotos e vídeos. Na seção "Controles de comentários" das configurações do aplicativo, você pode optar por: permitir comentários de todos; das pessoas que você segue e dos seguidores dessas pessoas; apenas das pessoas que você segue ou dos seus seguidores. Você também pode remover todos os comentários de suas publicações.

Silenciar uma conta[editar | editar código-fonte]

Impeça que as publicações de determinadas contas apareçam no feed, sem ter que deixar de segui-las.

Denunciar comentários[editar | editar código-fonte]

Se você vir um comentário em sua conta ou na conta de outra pessoa que acredita ter sido escrito para assediar você ou outra pessoa, denuncie-o.

Denunciar uma mensagem no Direct[editar | editar código-fonte]

Se você receber uma mensagem no Direct que considera inadequada, poderá denunciá-la. Toque e segure a mensagem em questão que deseja denunciar

Autentificarão de dois fatores[editar | editar código-fonte]

Adicione uma camada extra de segurança com a autenticação de dois fatores. Isso significa que sempre que você entrar no Instagram usando um dispositivo desconhecido será solicitado a inserir um código de segurança enviado por SMS ou um código de reserva, além do nome de usuário e senha, para acessar a conta.

Excluir publicações[editar | editar código-fonte]

Para excluir uma foto ou um vídeo que você publicou, toque acima da publicação e depois em Excluir. Você também pode arquivar publicações para que as pessoas não possam vê-las.

Denúncia anônima de publicações de automutilação[editar | editar código-fonte]

Se você vir automutilação em uma publicação ou uma publicação que o faça pensar que a pessoa que publicou está correndo algum risco, denuncie-a e conectaremos a pessoa a organizações que oferecem ajuda.[7]

Porque coleta dados[editar | editar código-fonte]

Ao publicar um conteúdo - foto ou vídeo - no Instagram é concedido uma licença, onde o aplicativo pode utilizar o conteúdo compartilhado sem que o usuário tem explicitamente dado permissão, no entanto, pontualmente é pedida a permissão para acessar o microfone, a câmera e contatos. Ainda que o usuário exclua a conta, o seu conteúdo já pode ter sido compartilhado por terceiros, o que impede que a sua imagem seja totalmente deletada. Quando você exclui a conta, o instagram exclui o conteúdo que você publicou, como fotos e atualizações de status, e não será possível recuperar essas informações. As informações que outras pessoas compartilharam sobre você não fazem parte de sua conta e não serão excluídas. Caso você não deseje excluir sua conta, mas queira parar de usar os Produtos temporariamente, é possível desativar a conta.

O Instagram tem permissão para utilizar os dados, tais como: nome de usuário, foto do perfil e informações sobre as ações e interações que são obtidas no manuseio do aplicativo, para questão de segurança e para enviar posts patrocinados ao usuário com a intenção de vender e fazer a propaganda de algum produto.

O aplicativo utiliza as informações que tem para fornecer os Produtos, incluindo para personalizar funcionalidades e conteúdos ( Feed de Notícias, o Feed do Instagram, o Instagram Stories e os anúncios) e para fazer sugestões (como grupos ou eventos nos quais possa estar interessado ou tópicos que possa pretender seguir) dentro e fora dos Produtos do Instagram. Para criar Produtos personalizados que sejam únicos e relevantes para os usuários, utilizam as ligações, preferências, interesses e atividades com base nos dados que recolhem e que são fornecidos por ti e por terceiros (incluindo dados com proteções especiais que opta por fornecer).

Como coleta dados[editar | editar código-fonte]

O Instagram é uma ferramenta de marketing muito eficaz para as marcas e atualmente lucra com posts publicitários (ou postos patrocinados) - em que colocam fotos e vídeos promovendo produtos.O usuário concede permissão para mostrar seu nome de usuário, foto do perfil e informações sobre suas ações (como curtidas) ou relacionamentos (como contas que segue) ao lado de ou relacionados a contas, anúncios, ofertas e outro conteúdo patrocinado que você segue ou com o qual interage, que sejam exibidos nos Produtos do Facebook, sem o pagamento de qualquer remuneração a você. Por exemplo, o Instagram pode mostrar que você curtiu uma publicação patrocinada criada por uma marca que pagou para exibir os anúncios dela.

O usuário pode tornar a sua conta para uma conta comercial, onde pode leva o usuário a comprar na página dentro do próprio aplicativo e se você usa os Produtos do Instagram para compras ou outras transações financeiras (como quando você faz uma compra em um jogo ou realiza uma doação), eles coletam informações sobre a compra ou transação. Isso inclui informações de pagamento, como o seu número do cartão de crédito ou débito e outras informações sobre o cartão; outras informações de conta e autenticação; detalhes de cobrança, entrega e contato.

Alternativa[editar | editar código-fonte]

https://pixelfed.org/

O Pixelfed - "Privacidade. Proteção. Segurança. Para todos." - é uma plataforma de compartilhamento de imagem social federada, semelhante ao Instagram. A federação é feita usando o protocolo ActivityPub, que é usado pelo Mastodon, PeerTube, Pleroma e muito mais. Por meio do ActivityPub, o PixelFed pode compartilhar e interagir com essas plataformas, bem como com outras instâncias do PixelFed.

Esse aplicativo possui a interface muito parecida com o Instagram, para começar participar do Pixelfed, o usuário precisa escolher uma instância, o site apresenta uma lista de instâncias que o usuário pode escolher e se cadastrar. Essas instâncias são divididas em diversos temas, onde o usuário pode se inscrever e começar a fazer as suas postagens.

  • Pontos positivos do Pixelfed: o usuário pode criar álbuns de fotos na plataforma, não possui anúncios e apresenta uma linha do tempo cronológica, devidamente ordenada e sem algoritmos.
  • Pontos negativos do Pixelfed: não possui versão em Português, não possui aplicativo, para interagir o usuário precisa fazer o login no site.

Referências[editar | editar código-fonte]

Termos de uso. Publicado em: 19 de abril de 2019. Disponível em: https://www.facebook.com/help/instagram/478745558852511 . Acesso em: 19/06/2019.Instagram. Wkipédia. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Instagram> Acesso em: 22 de jun. 2019.

Evitar que o Instagram utilize sua localização. WikiHow. Disponível em: <https://pt.wikihow.com/Evitar-que-o-Instagram-Utilize-sua-Localiza%C3%A7%C3%A3o>. Acesso em: 21 de jun. 2019.

Techmundo. Disponível em: <https://www.tecmundo.com.br/instagram/novidades/?page=1>. Acesso em: 22 de jun 2019.

Bem-estar no Instagram em: <https://wellbeing.instagram.com/safety>.Acesso em: 22 de jun 2019

Marketing de Coteúdo- O blog da Rock Content em: <https://rockcontent.com/blog/instagram/#.XREAgrhyiKQ.link>. Acesso em 24 de jun 2019.

Portal IG em: < https://www.ig.com.br/tudo-sobre/instagram/>. Acesso em 24 de jun 2019.

PIZA, Mariana Vassallo. O fenômeno Instagram: considerações sob a perspectiva tecnológica. 2012. 48 f., il. Monografia (Bacharelado em Ciências Sociais)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.

ROCKCONTENT. Instagram: saiba tudo sobre esta rede social!. Disponível em:https://rockcontent.com/br/blog/instagram/#:~:text=O%20Instagram%20%C3%A9%20uma%20rede,atrav%C3%A9s%20de%20coment%C3%A1rios%20e%20curtidas.. Acesso em: 1 dez. 2020.

Créditos[editar | editar código-fonte]

Camila Cardoso

Danyelli Andrade

Diógenes Nascimento

Letícia Barbosa

Sarah Carneiro

Sofia Nascimento

Danilo Cavalcante de Oliveira

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. PIZA, Mariana Vassallo. O fenômeno Instagram: considerações sob a perspectiva tecnológica. 2012. 48 f., il. Monografia (Bacharelado em Ciências Sociais)—Universidade de Brasília, Brasília, 2012.
  2. https://www.infoescola.com/informatica/instagram
  3. ROCKCONTENT. Instagram: saiba tudo sobre esta rede social!. Disponível em:https://rockcontent.com/br/blog/instagram/#:~:text=O%20Instagram%20%C3%A9%20uma%20rede,atrav%C3%A9s%20de%20coment%C3%A1rios%20e%20curtidas.. Acesso em: 1 dez. 2020.
  4. ROCKCONTENT. Instagram: saiba tudo sobre esta rede social!. Disponível em:https://rockcontent.com/br/blog/instagram/#:~:text=O%20Instagram%20%C3%A9%20uma%20rede,atrav%C3%A9s%20de%20coment%C3%A1rios%20e%20curtidas.. Acesso em: 1 dez. 2020.
  5. https://pt.wikipedia.org/wiki/Instagram https://rockcontent.com/blog/instagram/#.XREAgrhyiKQ.link
  6. https://www.ig.com.br/tudo-sobre/instagram/
  7. https://wellbeing.instagram.com/safety