Geometria Descritiva

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Projeção cilíndrica e seção de um cone realizado por Albrecht Dürer.

A Geometria Descritiva[editar | editar código-fonte]

A geometria descritiva é um ramo da Geometria que tem como objetivo representar de forma exata objetos de três dimensões em um plano bidimensional. Para isso serve-se da projeção dos objetos, que consiste na passagem pelo objecto de rectas projetantes, que interseccionam o plano de projeção, onde se cria a projeção do objecto. Esta projeção pode ser feita segundo vários métodos de projeção, que divergem de acordo com o número de planos de projeção usado e com as diferentes características das rectas projetantes.


Disciplinas[editar | editar código-fonte]

Por incluir estes diferentes métodos de projecção, que dá origem cada um a um tipo de desenho diferente e com diferentes convenções, existem várias disciplinas na Wikiversidade sobre geometria descritiva, cada uma correspondente a um método de projecção.

Para saber mais sobre a geometria descritiva em geral, sua história, figuras, e sobre os vários métodos de projecção comparados e casos em que devem ser empregues, veja Introdução à geometria descritiva.

As disciplinas correspondentes aos métodos de projecção ensinam a representar objectos segundo esse método com as convenções aplicáveis e os vários métodos auxiliares, de forma independente:


Programas de estudo[editar | editar código-fonte]

Os programas escolares são por vezes transversais às disciplinas acima mencionadas.

Seguem-se alguns casos para servirem de referência a quem queira usar este material como acompanhamento do estudo escolar:

No ensino secundário em Portugal, em Geometria Descritiva A, estuda-se a projeção diédrica e também as axonometrias. Em Geometria Descritiva B, estuda-se apenas os conceitos básicos da projeção diédrica, correspondente à primeira parte da disciplina Projeção diédrica.


Ligações Externas[editar | editar código-fonte]