DC-UFRPE/Licenciatura Plena em Computação/Educação à Distância/Contextualização da EaD

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Neste tópico será abordada a contextualização da Educação a Distância, bem como o que proporcionou sua criação e como ela se encaixa no processo de aprendizagem.

Introdução[editar | editar código-fonte]

Com o advento da tecnologia, surgiram novas formas de comunicação e circulação da informação. Esse avanço tecnológico também proporcionou foi a Educação a Distância (EaD)[1] . [1] definem EaD como ocasiões em que o ensino e a aprendizagem não ocorrem no mesmo espaço físico ou ao mesmo tempo, já [2] complementa este conceito, afirmando que que esta modalidade é intermediada por meio tecnológico, que viabiliza a aprendizagem. Tais cursos podem ocorrer de forma totalmente à distância, sem qualquer encontro presencial, ou semi presencial, em que alguns encontros são realizados em espaço físico.

De acordo com [1] a modalidade de EaD possui uma maior dependência da tecnologia, sendo o professor o responsável por orientar a aprendizagem. Neste tipo de curso o estudante precisa gerenciar seu tempo e fazer uma maior organização dos seus tópicos de estudo. Para [2] EaD pode ser considerada uma modalidade de ensino e aprendizagem que facilita ao estudante buscar uma forma de educação continuada, em que o indivíduo pode encontrar uma maior facilidade de continuar com sua educação.

O grande diferencial da EaD que é seu processo de ensino-aprendizagem não é mais ligado na ideia de que o ensino deve ser centralizado na figura do professor e que a aprendizagem só é adquirida através de exposição de uma aula realizada com a presença do professor e do aluno. Segundo [3] o processo de ensino-aprendizagem pode ser visto como uma aprendizagem autônoma, onde o aluno é o centro da sua aprendizagem e de todo o sistema. Com isso, a EaD pode favorecer na construção de cidadãos mais engajados com a sociedade, conscientes de sua autonomia intelectual e capazes de posicionarem diante de situações diversas.

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 SILVA, K. C. ; LOPES, D. C. . Introdução à Educação à Distância. 1ª. ed. Mossoró: EdUFERSA, 2015. v. 1. 56p .
  2. 2,0 2,1 BARRERA, D. F. . Elaboração de Conteúdo para EaD. 2017.
  3. VIDAL, E. M. ; MAIA, J. E. B. . Introdução à Educação a Distância. 1. ed. Fortaleza: RDS Editora, 2010. v. 1. 80p .