Filosofia da mente: Monismo anômalo

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Em filosofia da mente, monismo anômalo é a posição que diz que só há um único tipo de coisa existente, a qual pode ser descrita e explicada pelas leis da física. Tudo, inclusive a mente, é físico. Todavia, os fenômenos e eventos mentais não podem ser reduzidos aos fenômenos e eventos físicos. Não há diferença de natureza entre o físico e o mental, mas há diferença na concepção de cada um.

De acordo com o monismo anômalo, ainda que explicássemos o funcionamento do cérebro nos mínimos detalhes, não teríamos com isso explicado o que são nossas crenças e outras atitudes mentais.

O termo foi criado pelo filósofo Donald Davidson.