Yoga na UNICAMP

Fonte: Wikiversidade
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O que é?[editar | editar código-fonte]

A Faculdade de Educação Física em parceria com o Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência da UNICAMP, com o apoio de Consentir estão convidando a todos para refletir sobre o Yoga no Brasil, iniciamos nossos trabalhos em 2017 para realizar o primeiro evento em 2018. Em 2018 iniciamos o trabalho em parceria com o Grupo de Estudos Educação para a Paz e Tolerância (GEEPAZ) da Faculdade de Educação (FE), Profa. Dra. Nádia Freire, da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), e contamos com o apoio de Rosangela Bassoli do Instituto de Yogaterapia, Angela Dias Lopes do Yoga Clássico Campinas e Paula Ubinha do Consentir.

Queremos congregar a comunidade em Campinas e Região com intuito de trocarmos conhecimento sobre yoga, sua cultura e filosofia. A influência do yoga, na sociedade da Índia, vai do âmbito da saúde e medicina à educação artes e espiritualidade. Baseados na integração do ser humano para permitir maior bem estar físico, mental, espiritual, os valores do yoga podem formar a maior parte de um ethos comunitário. Esta cultura milenar oriental já está presente na cultura brasileira, e isso para nós é um convite à reflexão.

Boas vindas!

Damos as boas vindas a Faculdade de Ciências Médicas/Depto. de Saúde Coletiva e ao Instituto Yogaterapia, que em função do convite que fizemos no I Seminário Yoga na UNICAMP: Corpo e Transcendência, se dispuseram a participar. Damos as boas vindas ao Grupo de Estudos Educação para a Paz e Tolerância (GEEPAZ) da Faculdade de Educação (FE) que a partir do Encontro Unicamp e Direitos Humanos decidiu somar esforços.


Participe de nossa lista de discussão, dos eventos e atividades abertas.

Escreva para nós <yoganaunicamp@gmail.com>.

Grupo de Estudos Yoga na Unicamp - programa 1 semestre de 2019[editar | editar código-fonte]

A dinâmica de estudos acadêmica será conduzida pela Claudia Wanderley (Linguista, trabalhando com as noções de Epistemologia e Interculturalidade).

Nosso assunto principal será "Tat Tvan Asi", estudado do âmbito intelectual da teoria da complexidade; apresentaremos um programa de estudos para este semestre. Neste semestre trabalharemos a hetero-organização dos estudos. Estarão na interlocução do grupo de estudos o Bruno Vieira Nery (Filosofia) e a Paula Ubinha (Educação Física). No segundo semestre de 2019 voltaremos à dinâmica de auto-organização (como ocorreu no segundo semestre de 2018).

Plano de leituras para 1 semestre de 2019, sextas feiras, das 14h as 16h, sala 1 FEF-UNICAMP, com interlocução de Bruno Nery e Paula Ubinha.

Responsável: Claudia Wanderley, Pesquisadora do Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência, UNICAMP.

Quando e onde: Todas sextas feiras das 14h às 16h, na Sala 1 da Faculdade de Educação Física da UNICAMP.


- 22 de março de 2019

Apresentação da proposta de estudos para este semestre: “Tat tvan asi aum"

Para discutir o plano de estudos, ler:

LE MOIGNE, Jean Louis. A Inteligência da Complexidade : <http://afirse.info/archives/cd4/Conferencias/Le-MoignePT.pdf>

MIGNOLO, Walter. Desobediência Epistêmica: a opção descolonial e o significado de identidade em política: <http://professor.ufop.br/sites/default/files/tatiana/files/desobediencia_epistemica_mignolo.pdf>.

- 29 de março de 2019

SAID, Edward. Orientalismo: o Oriente como invenção do Ocidente. Companhia das Letras 1990.

https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/1861897/mod_resource/content/1/said%20edward%20w%20-%20orientalismo.pdf

- 5 de abril de 2019

SAID, Edward. Orientalismo: o Oriente como invenção do Ocidente. Companhia das Letras 1990.

https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/1861897/mod_resource/content/1/said%20edward%20w%20-%20orientalismo.pdf

- 12 de abril de 2019

MORIN, Edgar. Os sete saberes necessários à educação do futuro / Edgar Morin ; tradução de Catarina Eleonora F. da Silva e Jeanne Sawaya ; revisão técnica de Edgard de Assis Carvalho. – 2. ed. – São Paulo : Cortez ; Brasília, DF : UNESCO, 2000.

https://drive.google.com/drive/folders/0B-YLV8egGwSua2hsSmNaVUNiZjQ

- 19 de abril de 2019 (Feriado Religioso)

- 26 de abril de 2019

MORIN, Edgar Da necessidade de um pensamento complexo in Francisco Menezes Martins, Juremir Machado da Silva, Para navegar no século XXI – Tecnologias do Imaginário e Cibercultura Para navegar no século XXI/21: tecnologias do imaginário e cibercultura EDIPUCRS, 1999

https://docplayer.com.br/21626931-Da-necessidade-de-um-pensamento-complexo.html

- 3 de maio de 2019

GARCIA CANCLINI, Néstor. Culturas Híbridas: Estratégias para Entrar e Sair da Modernidade, São Paulo. Ed, da Universidade de São Paulo, 2003, ISBN 853140282-0 https://en.calameo.com/read/002628419d6442f1908e8

- 10 de maio de 2019

GARCIA CANCLINI, Néstor. Culturas Híbridas: Estratégias para Entrar e Sair da Modernidade, São Paulo. Ed, da Universidade de São Paulo, 2003, ISBN 853140282-0 https://en.calameo.com/read/002628419d6442f1908e8

- 17 de maio de 2019

MISOCZKY, Maria Ceci A. Da abordagem de sistemas abertos à complexidade: algumas reflexões sobre seus limites para compreender processos de interação social. Cad. EBAPE.BR, Rio de Janeiro, v. 1, n. 1, p. 01-17, Aug. 2003 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1679-39512003000100002&lng=en&nrm=iso> e <http://ref.scielo.org/w5pqdz>.

e

ALMEIDA, Júlia. “Geopolíticas e descolonização do conhecimento” de Júlia Almeida, Anais do Seminário nacional da Pós-Graduação em Ciências Sociais v. 1, n. 1 (2011). http://www.portaldepublicacoes.ufes.br/SNPGCS/article/view/1482

- 24 de maio de 2019

Mestre Carlos Michan Amiga – tat tvan asi aum

- 31 de maio de 2019

Mestre Carlos Michan Amiga - tat tvan asi aum

- 7 de junho de 2019

Mestre Carlos Michan Amiga - tat tvan asi aum

- 14 de junho de 2019

CASTRO-GÓMEZ, Santiago y GROSFOGUEL, Ramón (compiladores). El giro decolonial: reflexiones para una diversidad epistémica más allá del capitalismo global. Bogotá: Siglo del Hombre Editores; Universidad Central, Instituto de Estudios Sociales Contemporáneos y Pontifi cia Universidad Javeriana, Instituto Pensar, 2007 http://www.unsa.edu.ar/histocat/hamoderna/grosfoguelcastrogomez.pdf

- 21 de junho de 2019 (Expediente Suspenso)

- 28 de junho de 2019

encontro para avaliação do semestre de estudo e festa de chegada do inverno.

- Confira aqui o Resumo e participação nas reuniões do Grupo de Estudo Yoga na Unicamp em 2019.

Histórico:[editar | editar código-fonte]

Veja o que fizemos juntos em 2018.

Veja aqui a agenda dos encontros de 2018 dos grupos de estudos sempre as sextas feiras na FEF/UNICAMP e das reuniões gerais os SatSangs Acadêmicos foram na primeira quinta feira por mês no CLE/UNICAMP. Este Grupo de Estudos eventualmente se tornará um grupo de pesquisa. Ver sobre a proposta de criação do Grupo de Pesquisa.

Criamos nos três primeiros SatSangs Acadêmicos cinco subgrupos temáticos para desenvolvermos, e eles estão caminhando. Participe das reuniões gerais, os SatSangs Acadêmicos e das reuniões dos grupos de estudos. Entre em contato e comece a estudar conosco, estar presente é a melhor forma de contribuir com o desenvolvimento desta pesquisa. Veja aqui as atas das reuniões dos sub-grupos temáticos de pesquisa Yoga na Unicamp:

- Saúde e Yoga

- Filosofia, Tradição, Contemporaneidade e Yoga

- Educação e Yoga

- Yoga Tibetano

- Mantras

Memória Satsangs Acadêmicos 2018 e participação nos grupos de estudo:[editar | editar código-fonte]

As pautas das reuniões gerais ficam disponíveis aqui: Yoga na UNICAMP/pautas das reunioes

O resumo das reuniões gerais ficam disponíveis aqui: Yoga na UNICAMP/atas das reunioes


Temos um grupo de emails para interlocução entre a comunidade que se formar, que é: https://groups.google.com/forum/#!forum/yoga-na-unicamp . Se você ainda não faz parte, se inscreva, é aberto. E se quiserem uma comunicação mais rápida entre todos temos o telegram https://t.me/Yoga_na_Unicamp.

Shanti Om!

Parceria entre a Faculdade de Educação Física (FEF-UNICAMP) com a coordenação do Prof.Dr. Odilon Roble, o Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência (CLE-UNICAMP) com a coordenação da Prof. Dra. Claudia Wanderley, com o apoio de consentircorpoealma.blogspot.com (Consentir) com a coordenação da Profa. Paula Ubinha Almeida.

As anotações de todo grupo do Satsang Acadêmico estão aqui: http://collabedit.com/8faqd



Práticas e Estudos de Yoga livres e gratuitos com Mestre Carlos Michan Amiga[editar | editar código-fonte]

Grupo de Estudos Yoga na UNICAMP

Parceria entre o Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência (CLE), Profa. Dra. Claudia Wanderley, a Faculdade de Educação Física (FEF), Prof. Dr. Odilon Roble, e o Grupo de Estudos Educação para a Paz e Tolerância (GEEPAZ) da Faculdade de Educação (FE), Profa. Dra. Nádia Freire, da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Apoio: Rosangela Bassoli do Instituto de Yogaterapia, Angela Dias Lopes do Yoga Clássico Campinas e Paula Ubinha do Consentir.

Anote na agenda:

Nova programação anote na agenda:

- grupo de estudos, sextas 14h-17h, dias 24, 31 de maio e 7 de junho de 2019, Sala 1, FEF-UNICAMP.

- prática aberta e gratuita, sábado 8h-11h30, 1 de junho, Ginasinho da FEF-UNICAMP.


Guru Carlos Michan Amiga[editar | editar código-fonte]

Carlos Michán Amiga nasceu no México, em Orizaba, estado de Veracruz, em agosto de 1943. Pai de quatro filhos e avô de nove netos. Ele é um arquiteto, uma profissão que ocupa desde 1963. Ele foi reconhecido como um Guru no México em 1 de maio de 1996.

Desde então, como palestrante e praticante e professor nas tradições do Oriente e Ocidente, Yoga e Qabbaláh, ele viajou por países da América, Europa, Egito e Israel, difundindo disciplinas, estudos e práticas relacionadas aos instrumentos de ensino dessas tradições, bem como o paralelismo entre estas e as Tradições da América Ancestral para que sejam conhecidas e facilitem a auto-realização e o desenvolvimento da consciência dos seres humanos aplicáveis ao bem-estar na vida cotidiana.

Aos 25 anos de idade, o mestre Carlos Michan encontra o Dr. José Manuel Estrada, venezuelano, primeiro discípulo do Dr. Serge Raynaud de la Ferrière. O contato com o seu Mestre da Iniciação Real abre uma outra perspectiva de sua própria existência e de um propósito maior, que é contribuir com trabalho voluntário e impessoal para elevar a qualidade de vida e consciência do planeta.

Como Professor de Yoga, Qabbaláh, Cosmobiologia e praticante e difusor do Vegetarianismo, ele ministrou seminários, workshops e conferências por mais de cinquenta (50) anos. Ele entra em contato com medicina natural, realizando estudos de Iridologia, Acupuntura e Terapias Médicas Naturais. Com este pano de fundo, ele se coloca a serviço da comunidade como um Conselheiro Naturista de sucesso.

O Guru Michan nos apresenta didáticas e disciplinas que, através de cursos, oficinas e conferências contemplam:

• Desenvolvimento de pensamento lógico, criativo e crítico.

• Amor pela natureza e pelo meio ambiente.

• Educação para a saúde física, mental e espiritual.

• Valores éticos, estéticos e morais.

• Humanização da ciência.

• Reeducação integral para a união da ciência, filosofia e religião.

• Métodos de ensino de disciplinas que considerem tanto a parte física quanto a parte psíquica (Corpo, Alma e Espírito do Ser Humano).


Preparação II Seminário Yoga na Unicamp - Cultura de Paz, 2019 - adiado.[editar | editar código-fonte]

Ata das reuniões de preparação do II Seminário Yoga na UNICAMP - Cultura de Paz


Saudação ao Sol às quartas-feiras[editar | editar código-fonte]

A prática de yoga no início do dia começa com a saudação ao sol, surya namaskar.

Sun Salutation
Saudação ao Sol

Em 2018 e 2019, todas as quartas feiras, das 6h30 à 7h30 da manhã, você pode vir a FEF-UNICAMP fazer saudação ao sol conosco. É uma prática comunitária.

A arte da Saudação ao Sol, o Suryanamaskar, é uma prática tradicional matinal de Yoga. É uma série de 12 posturas (asanas) de yoga colocadas juntas em uma sequência dinâmica harmoniosa (diferentes escolas tem diferentes sequências, não se incomode se for diferente do que você já conhece). Trabalhamos o movimento no corpo físico, o controle da respiração, a atenção mental e o desenvolvimento contínuo da atitude de reverência. É um reconhecimento de que a terra vem do sol e que nós viemos da terra, e portanto também do sol. É muito saudável trazer de volta nossa conexão com o Sol, através da reverência e do fluxo consciente da respiração.

A sequência de uma hora de atividade se dá através da observação conjunta silenciosa do nascer do sol, preparação, 12 sequências de Surya Namaskar, relaxamento, krya, pranayama e meditação. Traga uma fruta para comer no final da prática.

Dias em 2019 que temos Saudação ao Sol na FEF, das 6h30 às 7h30* *no caso de férias e feriados faremos as práticas das 7h às 8h.
janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro
23, 30 6, 13, 20, 27 6, 13, 20, 27 3, 10, 17, 24 1, 8, 15, 22, 29 5, 12, 19, 26 3, 10, 17, 24, 31 7, 14, 21, 28 4, 11, 18, 25 2, 9, 16, 23, 30 6, 13, 20, 27

E onde praticar?

Na quadra de basquete da FEF-UNICAMP é o melhor lugar para ver o sol nascendo da FEF. Veja o mapa:

Como começaram as saudações ao Sol?[editar | editar código-fonte]

Reza a lenda que as saudações ao sol são os movimentos de Hanuman olhando de frente para Surya enquanto seu carro viaja através do céu, mostrando sua gratidão pelas lições que ele aprendeu com Surya. Com isso, ele reconhece Surya como a fonte da energia e a luz do mundo.

Vou contar isso...(em 2018) está no Ramayana do Sábio Valmiki.

Anjana e Kesari são um casal de macacos. Anjana deu à luz uma das incarnações de Shiva, um macaco imortal chamado Anjaneya (filho da Anjana), também chamado de Hanuman.

"Hanuman respeitosamente de aproximou do carro do deus solar. Aruna é o nome de seu condutor e ele permitiu que Hanuman se aproximasse de seu mestre e fizesse a prostração para o deus Surya.

- Você vê tudo que existe para ser visto no universo e portanto você conhece tudo o que há para ser conhecido. Por favor me aceite como seu aluno."[1]

...

Todo dia em todo o mundo, estudantes ficam de frente para seu professor quando realizam sua série de saudação ao sol com amor e devoção em uma demonstração de respeito pela tradição de honrar um professor, o grande Surya, que ilumina nossas vidas e o universo.

Referências sobre yogues e o Sol, nos textos tradicionais:[editar | editar código-fonte]

Diz Patanjali no Yoga Sutras,

Sutra III.26

भुवनज्ञानं सूर्ये संयमात्॥२६॥

bhuva-jñānaṁ sūrye-saṁyamāt

Swami Vivekananda interpreta: Ao fazer Samyama no sol, (vem) o conhecimento do mundo.



Inscreva-se na nossa lista de notícias[editar | editar código-fonte]

Entre no telegram Yoga_na_Unicamp.

Entre no googlegroups Yoga na Unicamp


Yoga no Brasil - levantamento contínuo das referências[editar | editar código-fonte]

Trata-se de uma proposta de visualizarmos de forma coletiva as referências que nos inspiram a praticar yoga, e os pontos e contato, locais de prática, publicações e acervos. Veja o que já levantamos e participe trazendo as informações relativas aos seus professores!

Esta é uma iniciativa de Claudia Wanderley do CLE-UNICAMP em parceria com Odilon Roble da FEF-UNICAMP com o apoio de Paula Ubinha do Consentir para sistematizar de maneira colaborativa as linhas de yoga e a construção de uma tradição da prática de yoga no Brasil.

______________________________________________________________________________________________________________________________________

Páginas relacionadas - parceiros em prol do Yoga[editar | editar código-fonte]

inclua aqui o link para seu trabalho com a comunidade se você é nosso parceiro em prol do Yoga

  1. Vanamali. Hanuman: The Devotion and Power of the Monkey God

2. Vanamali. Hanuman: The focking power of sun of sua mãe