Saltar para o conteúdo

WikiConecta/A Wikipédia/Difusão e divulgação científica na Wikipédia

Fonte: Wikiversidade
Logo do WikiConecta

Difusão e divulgação científica na Wikipédia

Conteúdo

A ciência é muito difícil de ser comunicada e a linguagem e temporalidade acadêmicas estão descoladas da experiência do público em geral. Consequentemente, o conhecimento produzido na universidade acaba restrito aos poucos que têm a oportunidade de frequentar esses espaços, guardado dentro de seus muros e distante da sociedade a quem deveria servir.

Sabemos dos vários riscos envolvidos quando a ciência - e os cientistas - se distanciam da comunidade. No Brasil, recentemente, lidamos com uma enorme devastação causada por campanhas de desinformação e notícias falsas relacionadas à COVID-19 e suas vacinas, por exemplo.

Preencher essa lacuna e promover a interação da comunidade acadêmica com a sociedade é um dos grandes objetivos da proposta da curricularização da extensão[1]. A partir da Resolução nº 7, de 18 de dezembro de 2018, do Ministério da Educação (MEC), Conselho Nacional de Educação (CNE) e Câmara de Educação Superior (CES), as atividades de extensão se tornam parte obrigatória da carga horária dos cursos de graduação. Essa diretriz está estabelecida no artigo 4º da resolução[1], que dispõe:

“Art. 4º As atividades de extensão devem compor, no mínimo, 10% (dez por cento) do total da carga horária curricular estudantil dos cursos de graduação, as quais deverão fazer parte da matriz curricular dos cursos;”

No artigo 5º lemos[1]:

"Art. 5º Estruturam a concepção e a prática das Diretrizes da Extensão na Educação Superior:

I - a interação dialógica da comunidade acadêmica com a sociedade por meio da troca de conhecimentos, da participação e do contato com as questões complexas contemporâneas presentes no contexto social;

II - a formação cidadã dos estudantes, marcada e constituída pela vivência dos seus conhecimentos, que, de modo interprofissional e interdisciplinar, seja valorizada e integrada à matriz curricular;

III - a produção de mudanças na própria instituição superior e nos demais setores da sociedade, a partir da construção e aplicação de conhecimentos, bem como por outras atividades acadêmicas e sociais;

IV - a articulação entre ensino/extensão/pesquisa, ancorada em processo pedagógico único, interdisciplinar, político educacional, cultural, científico e tecnológico." (destaques nossos)

Mas como fazer essa ponte com a sociedade de forma efetiva?

Nos cursos ligados à saúde básica, por exemplo, a extensão sempre esteve presente como parte da formação dos estudantes por suas aplicações mais palpáveis. E como fazer a extensão de disciplinas teóricas e/ou filosóficas? É preciso encontrar soluções adequadas às mais diversas disciplinas e graduações, e o tempo urge.

A Wikipédia na extensão: divulgando conhecimento livre[editar | editar código-fonte]

"Em princípio, deveríamos ser a população mais bem informada da história, com mais pesquisas revisadas por pares produzidas e publicadas online do que nunca. No entanto, essas pesquisas muitas vezes falham em atingir o público em geral" (Poulter, Martin, and Nick Sheppard, 2020)[2].

Uma forma de servir à sociedade é através da comunicação do conhecimento produzido na Universidade de forma acessível à população não especializada. Como exemplo, podemos mencionar o trabalho de profissionais que fizeram a "tradução" do conhecimento científico e tecnológico na época da pandemia da COVID-19. Esse trabalho foi essencial para possibilitar que todos pudessem compreender os comportamentos mais adequados diante de um vírus mortal.

Mas como comunicar as pesquisas, o conhecimento ou informações científicas de maneira acessível?

A Wikipédia é um lugar especial para fazê-lo, pois é um espaço aberto no qual qualquer pessoa pode contribuir e compartilhar sua perspectiva sobre qualquer assunto, desde que cite as fontes adequadas.

Os cientistas já começaram a reconhecer a importância de ter suas pesquisas citadas na Wikipédia, pois isso agrega valor ao seu trabalho[3]. As citações da Wikipédia são sugeridas como métricas alternativas para complementar as citações acadêmicas e ajudar na visibilidade do impacto de pesquisas financiadas por órgãos públicos[3], por exemplo. A Wikipédia atua como "uma plataforma para comunicar e divulgar as descobertas científicas da academia para o domínio público", pois "facilita a disseminação das descobertas científicas ao destilar os resultados da pesquisa" em uma linguagem mais acessível e em uma plataforma aberta e gratuita (Zheng et al., 2022, p.2[3]).

E ainda conta com o benefício de uma divulgação massiva: a Wikipédia é o 7º site mais visitado do mundo e está escrita em mais de trezentos idiomas[4].

Educadores em muitos países, como no Brasil, usam a Wikipédia como ferramenta educacional que, além de apoiar na alfabetização técnica e informacional, pode ajudar os estudantes na aquisição de habilidades de escrita científica. Trabalhos acadêmicos, especialmente os de base teórica recém adquiridas dada as leituras feitas para a disciplina em curso, podem ser disponibilizados de forma gratuita online para toda e qualquer pessoa. Ou seja, textos densos e embasados cientificamente, que já seriam produzidos como trabalhos finais de qualquer forma, passam a ser usados como um meio de mudança social ativa, uma vez que podem ser lidos por pessoas de todo o mundo, não apenas pelo professor.

A Wikipédia, portanto, é um espaço para contribuir para o bem público, partilha de  conhecimento científico e evidência de outras perspectivas, ajudando a construir um conhecimento que represente todas as comunidades do mundo.

Os estudantes-editores da Wikipédia também podem escrever sobre temas e objetos que ainda não estão disponíveis em português na internet. O Wiki Movimento Brasil tem feito um esforço ativo, por exemplo, na divulgação de informações do Museu de Anatomia Veterinária da USP[5], com o upload de 700 imagens de seu acervo. Uma vez carregado nos projetos Wikimedia, esse conteúdo passa a estar disponível para visita, uso e informação de forma gratuita para estudantes de todo mundo.

Outro caso apoiado é do CEPID NeuroMat, o Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão em Neuromatemática, do Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo. Esta se tornou a maior instituição do mundo na geração de conteúdo matemático[6] através da criação e da edição de verbetes sobre a temática na Wikipédia em português. Todo esse material é acessado milhões de vezes todo mês por estudantes de todo o mundo, especialmente os brasileiros na época de preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e o vestibular.

Com a edição colaborativa, os estudantes podem se concentrar em aprimorar páginas da Wikipédia, corrigir eventuais erros, incluir citações adicionais, melhorar a qualidade de artigos existentes e escrever sobre temas sub-representados. Portanto, incentivar que os estudantes usem e contribuam para expandir este vasto repositório de conhecimento ajuda não só a desenvolver suas habilidades de pesquisa e escrita: permite que contribuam para uma base de conhecimento global. Desse modo, o uso da Wikipédia proporciona aos estudantes a satisfação de cooperar em uma causa muito maior do que tarefas acadêmicas, criando conteúdo para um dos sites mais visitados do mundo.

Não restam dúvidas que a Wikipédia é uma ferramenta educacional de grande valor. Educadores podem encorajar estudantes a usá-la com responsabilidade e mostrá-los como avaliar fontes e informações criticamente. Ao fazer isso, estarão empoderando os estudantes para se tornarem membros mais informados e engajados da sociedade e a desenvolver suas habilidades de pensamento crítico, essenciais para o sucesso na academia e além.

Que tal refletir sobre quais conhecimentos os seus estudantes poderiam escrever e disponibilizar de forma gratuita e livre na internet, contribuindo assim para a democratização do acesso à informação e promoção da equidade?

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO. Publicado em: 19/12/2018 | Edição: 243 | Seção: 1 | Página: 49. Órgão: Ministério da Educação/Conselho Nacional de Educação/Câmara de Educação Superior. RESOLUÇÃO Nº 7, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2018. Disponível em: https://www.in.gov.br/materia/-/asset_publisher/Kujrw0TZC2Mb/content/id/55877808
  2. "Wikimedia and universities: contributing to the global commons in the Age of Disinformation." Insights the UKSG journal 33.1 (2020).
  3. 3,0 3,1 3,2 Zheng, Xiang, et al. "Gender and country biases in Wikipedia citations to scholarly publications." Journal of the Association for Information Science and Technology (2022).
  4. Lista de Wikipédias. Disponível em:https://meta.wikimedia.org/wiki/List_of_Wikipedias. Acesso em: 26 de junho de 2023.
  5. https://glamwikidashboard.org/MAV
  6. Agência FAPESP. 06 de julho de 2018. Neuromat é o maior produtor de conteúdo de matemática na Wikipédia. Disponível em: https://agencia.fapesp.br/neuromat-e-o-maior-produtor-de-conteudo-de-matematica-na-wikipedia/28179/

Conteúdos audiovisuais

Depoimento de Caroline G. Mendes, Professora na Universidade Federal de Mato Grosso.
Depoimento de Eliene Araújo, Professora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
Depoimento de Lilian Viana, Bibliotecária na Universidade de São Paulo e Wikimedista.

Discussão